VW Tarok será feita na Argentina em 2022, de acordo com site.

VW Tarok será feita na Argentina em 2022, de acordo com site.

A Volkswagen terá dois importantes modelos nos próximos três anos, isso sem contar um terceiro, que será feito com base no Polo e terá carroceria de crossover, cuja produção será executada nas plantas da Anchieta e Taubaté. A dupla em questão é composta pelo SUV Tarek e a picape Tarok.

De acordo com o jornalista Fernando Calmon, no site UOL, a picape média da VW será fabricada na Argentina. A produção ocorrerá com um ano de atraso, pois, os planos originais eram de apresenta-la em versão final no Salão do Automóvel de 2020, para início de fabricação no ano seguinte.

Porém, ela só deverá iniciar na linha de montagem de General Pacheco, em janeiro de 2022. A informação confirma a pesquisa feita pela Volkswagen Argentina junto aos fornecedores locais, gerando suspeitas de uma Tarok feita no país vizinho. A aproveitamento de espaço na planta hermana vem do fato da linha da Amarok ser desativada.

O motivo é que, no acordo entre Ford e Volkswagen, a primeira ficará responsável pela engenharia do produto e sua produção, o que significa levar a Amarok para o outro lado da cerca que separa as duas fábricas. Assim, o lado “alemão” terá duas áreas disponíveis, mas a outra será ocupada um ano antes pelo SUV Tarek, no lugar que era feita a SpaceFox.

Assim, a unidade argentina da VW manterá dois modelos em produção, enquanto a Ford terá Ranger e Amarok, além do Territory, cogitado para tomar o espaço que era do Focus. Com plataforma MQB, a Tarok terá opção de tração nas quatro rodas (se não for de série, o que é difícil por conta dos preços), além de cabine com ampliação da caçamba de carga.

Essa picape da VW tem potencial até para o mercado americano, podendo mesmo ser enviada da Argentina ou feita no México. Pode ainda dispor de qualquer motor EA211, EA888 e EA288, este último diesel.
Fonte: noticiasautomotivas

2019-06-24